FUTUROS AMORES

Um blog sobre amor, arte e acaso.

28 de dez de 2012

Como a onda...

Postado por Priscila |

Os problemas fazem parte da vida. Eles nunca irão acabar.  São como ondas. Ou a gente fura ou a gente leva caixote. Talvez por isso nunca tenha me sentido bem entrando no mar. Não consigo me sentir em paz no meio das ondas. Mergulho porque me refresca e tendo a sair rápido da água.

Imagem do livro "Onda", de Suzy Lee. Fonte: Blog da Cosac Naify

Costumava ouvir a seguinte frase de uma pessoa insensata: "o que não tem remédio, remediado está."
Não me sinto tranquila para dizer essa frase...

*** 

PS. Ontem assisti ao filme "As Aventuras de Pi" e achei providencial escrever uma nota sobre isso nesse post. Das ondas metafóricas, as ondas reais, todos nós, um dia, fomos náufragos.

A sobrevivência muitas vezes depende da história queremos contar para nós mesmos sobre todas as dores sofridas. Podemos transformá-la numa fábula de superação ou podemos, simplesmente, nos ver como vítimas e sofrer a cada vez que a lembraça das desventuras nos toca. Qual agrada mais a Deus?

O que para mim ainda é um mistério... Qual o equilíbrio entre paciência e coragem? Qual o equilíbrio entre esperança e resignação? Não tenho resposta. Mas fico com esse trecho:

"Às vezes, Deus acalma a tempestade.
Às vezes, Ele acalma o marinheiro.
Outras, Ele nos ensina a nadar."

1 comentários:

SolBarreto disse...

Certissimo!
Vejo os problemas como ondas...estao sempre indo e vindo como o mar...se nao o enfrentamos, eles simplesmente nos derrubam...