FUTUROS AMORES

Um blog sobre amor, arte e acaso.

30 de jan de 2011

Carta

Postado por Priscila |

Meus amigos dizem que eu escrevo cada vez melhor... E isso não é um post sobre falta de modéstia. É um post sobre a minha dificuldade em compreender isso.

Não sei fazer romance.
Não sei fazer poesia.
Não sei escrever crônica.
Não sei escrever conto.
Só sei redigir cartas.
Cartas que nunca foram entregues.
(Mas que nem por isso deixaram de ser lidas).

***
Queria saber escrever sem brincar de "faz de conta que é uma mensagem para alguém"...

4 comentários:

Vítor Palmeiras disse...

Acho que o fato de quase nunca conseguirmos escrever algo sem ser uma "mensagem velada a alguém" é que não nos torna escritores, e sim apenas blogueiros que precisam desafogar os sentimentos guardados dentro das cacholas pensantes e dos corações pulsantes.

Rodrigo disse...

E quem dirá que os grandes textos da literatura não eram também cartas nunca entregues -- talvez sem que os próprios autores desconfiassem disso?

Que continuem a vir as cartas. De todas as formas de expressão, talvez sejam as mais autênticas.

Um beijo,
R.

Daniele Moreira disse...

Sou da opinião que os melhores textos são aqueles que não têm a pretensão de 'ser', são originais, autênticos e brotam do fundo do coração.
Bjs

Amadurecendo disse...

Eu ouvi isso outro dia, uma amiga disse após ler meu blog, que não conhecia esse me talento pra escrever...que talento? eu só falo de mim,do que sinto...talvez seja isso, as pessoas escondem tanto o que sentem, que se surpreendem ao ver alguém que o faça.