FUTUROS AMORES

Um blog sobre amor, arte e acaso.

3 de abr de 2009

Carta a Schroeder

Postado por Priscila |









Amado Schroeder,

Apesar da sua indiferença, eu existo. E continuarei existindo. E vivendo, vivendo muito.

Sentirei falta dos movimentos graves de Beethoven que há em você, mas preciso mais de mim.

Hoje, ao acordar nesse dia cinza, pensei mais uma vez em me debruçar sobre o seu piano. Mas aí eu percebi que o dia não seria menos cinza.

E agora, eu me pergunto:
"Muss es sein?"

E o seu querido Beethoven me responde:
"Ja, es muss sein!"

Com amor,
Lucy

0 comentários: